Agergs adia aplicação de reajuste nas tarifas da Corsan em razão da pandemia

Estado

Correção,que seria no fim de maio, será daqui a 90 dias, visando minimizar impactos econômicos da Covid


A Agência Estadual de Regulação dos Serviços Públicos Delegados do RS (Agergs), em reunião virtual realizada na tarde desta terça-feira (19/5), aprovou o adiamento do reajuste anual das tarifas de água, esgotos e demais serviços da Corsan para 1° de outubro e aprovou o índice de 5,93%.

A correção, que é anual, ocorre normalmente até 31 de maio, porém foi adiada por 90 dias, visando a minimizar os impactos da pandemia do coronavírus.

A medida, que vai vigorar em 290 municípios conveniados com a Agergs e que vale também para a Agência Municipal de Regulamentação dos Serviços Delegados de São Borja (Agesb), se fez necessária devido à pandemia do coronavírus, e teve a concordância da Corsan.

Além da Agergs e Agesb, os serviços da Corsan atualmente são regulados por mais três agências que avaliam seus índices de reajustes: Agência Reguladora de Serviços Públicos Delegados de Santa Cruz (Agerst); Agência Reguladora Intermunicipal de Saneamento do Rio Grande do Sul (Agesan-RS), com atuação no Vale do Sinos; e a Agência Reguladora dos Serviços Públicos Municipais de Erechim (Ager).

Texto: Ascom Agergs

Edição: Secom

Compartilhe